Língua ou Linguagem


Diz-se língua gestual (de determinado país) e nunca linguagem gestual, tal como se diz língua portuguesa e nunca linguagem portuguesa.
As várias línguas gestuais do mundo inteiro possuem gramáticas complexas e expressões “literárias” diversas, tais como a poesia, as narrativas, o teatro, as anedotas...
Cada comunidade de surdos tem, portanto, a sua própria língua gestual que surge no momento em que os surdos se juntam. Esta concentração acontece, geralmente, em contexto escolar. Assim a história das línguas gestuais está muitas vezes interligada com a história da educação dos surdos.
A primeira escola de surdos no mundo foi criada no século XVII, em Paris, logo a Langue des Signes Française (LSF) será a língua gestual mais antiga. Esta língua, através da dispersão dos seus professores surdos, expandiu-se para os EUA, o Brasil, entre outros, com o propósito de ali também criar escolas para surdos. Desta forma, a American Sign Language (ASL) e a Língua Brasileira de Sinais transparecem ainda semelhanças com a LSF.


Origem da língua gestual portuguesa


Em Portugal, a Língua Gestual Portuguesa (LGP), nasceu na primeira escola de surdos, em 1823, na Casa Pia de Lisboa, tendo tido como primeiro educador um sueco que de lá trouxe o alfabeto manual. Apesar de não se notarem semelhanças ao nível do vocabulário, o alfabeto da LGP e o da língua gestual sueca (Svenskt teckenspråk) continuam a revelar a sua origem comum.


publicado por Curiosos às 18:11